Quem sou eu

Pesquisar este blog

sexta-feira, 29 de abril de 2011

Confraternização de Páscoa do Judô Paraense foi sucesso na sede da Tuna

  
Juventude e simpatia presente no evento do Judô
Aconteceu no último sábado (23), na sede campestre da Tuna Luso Brasileira, a confraternização de Páscoa do judô paraense, que também serviu para festejar o bi-campeonato brasileiro da região I, conquistado pelo estado do Pará na cidade de São Luiz do Maranhão, no período de 16 e 17 de abril passado.

Victória Letícia, filha do associado Gerardo Von, sagrou-se campeã brasileira sub-15 (até 58kg), região I
Apesar de ter sido festejado durante a semana santa, quando muitos se deslocam para fora de Belém com seus familiares, tivemos um número considerável de participantes (mais de 50 pessoas), sendo todos atletas acompanhados por seus pais e familiares.

Pais e atletas alegres com o evento

Foi um dia inteiro de muita descontração, bate papo e bastante alegria, desde o início (às 11hs) sob a empolgante música da aparelhagem do DJ Da Silva, o melhor da Tuna.
Outros participantes da confraternização.
 
Na ocasião, o presidente da FPAJU, Sr. Luiz Eduardo, falou aos presentes e agradeceu pessoalmente ao vice-presidente da Tuna, Sr. Péricles Oliveira, que estava presente no evento, por ter cedido as instalações da Tuna para realizar esse evento de confraternização.

Presidente da FPAJU, Luiz Eduardo, ao lado do vice-presidente da Tuna, professor Péricles Oliveira.
Agradeceu também a boa vontade do presidente Fabiano Bastos e de seu diretor social, Sr. Durans, por terem gentilmente atendido a nossa solicitação para que os atletas campeões pudessem ter um espaço dentro de Belém para se divertir e comemorar a grande conquista.

Dirigentes da FPAJU prestigiando o evento.

Os atletas, seus familiares e demais presentes consumiram nada menos do que 40kg de carne, 07kg de arroz e 05kg de feijoada, 40 litros de refri e 40 litros de água mineral. O churrasco foi muito disputado e bem assada pelo atencioso churrasqueiro Gonçalo. 


Uma jovem campeã.

O evento terminou por volta das 17hs com todos muito satisfeitos pelo acontecimento que esperamos se repita no ano que vem.
  
Detalhe da confraternização na Tuna.

A participação de patrocinadores é fundamental para as conquistas dos atletas.

Também foram comemorados dois aniversários de participantes que estavam presentes.


Descontração em família.

Nenhum comentário:

Bandeira da ASDECON

Bandeira da ASDECON
ASSOCIAÇÃO DOS DESCENDENTES DE CONFEDERADOS AMERICANOS NA AMAZÔNIA

Brasão da família Vaughan

Brasão da família Vaughan

ClickComments

ESCLARECIMENTO / EXPLICATION

Esclarecemos que em função de erros cometidos por ocasião das escriturações nos cartórios de Santarém, durante os registros de nascimentos, diversas famílias de origem confederada (Wallace, Hennington, Rhome, Pitts, Riker, Vaughan, Jennings, etc...) tiveram seus nomes escriturados de forma errada.
A família VAUGHAN, por exemplo, assumiu algumas formas diferentes de escrituração: Vaughon, Waughan e Wanghon.
Recentemente alguns descendentes da família VAUGHAN e de outras famílias, com o auxílio de advogados e seguindo as árvores genealógicas, efetuaram as correções devidas nos cartórios locais e passaram a escrever corretamente os seus nomes.
Devido a pronúncia do nome VAUGHAN ser diferente da forma que é escrita, alguns descendentes passaram a adotar a denominação de “Von”, mas tão somente para facilitar o entendimento da leitura, sem alterar a forma de registro.

We clarified that in terms of errors committed during the notary records in Santarém, in the records of births, several families of confederates (Wallace, Hennington, Rhome, Pitts, Riker, Vaughan, Jennings, etc ...) had their names entered in wrong. The family VAUGHAN, for example, took a few different ways to book: Vaughon, Waughan and Wanghon. Recentemente VAUGHAN some descendants of the family and other families with the help of lawyers and following the tree, made the necessary corrections in notary places and began to write their names correctly. Due to the pronunciation of the name VAUGHAN be different from the way it is written, some descendants moved to adopt the name of "Von", but only to facilitate the understanding of reading, without changing the way of record.