Quem sou eu

Pesquisar este blog

quinta-feira, 24 de junho de 2010

POESIA DE QUINTA

Pessoal,
Dei uma sumidinha nestas duas últimas quintas...
Estava um pouco cansada. E poesia tem que ser por prazer, não por obrigação. Hoje me deu vontade de novo de voltar a escrever. Semana passada, como todos já sabem, a literatura mundial perdeu um dos seus grandes nomes, que era o do escritor português Saramago. Ele é bem mais conhecido pela sua prosa audaz, mas também fez poesias. Esta poesia de quinta de hoje ele fez sobre um dos meus livros prediletos, que é o Dom Quixote, de Miguel Cervantes, cuja protagonista feminina é a doce Dulcineia del Toboso.
Estou em Campina Grande, curtindo o maior São João do mundo!!!! Maravilhoso mesmo. E, aproveitando a coincidência de que o nome da minha doce mãe também é Dulcinea (so que sem o i), esta poesia vai especialmente dedicada a ela.
Beijos com sabor de mel de engenho,
Deíla
DULCINEIA
José Saramago
Quem tu és não importa, nem conheces
O sonho em que nasceu a tua face:
Cristal vazio e mudo.
Do sangue de Quixote te alimentas,
Da alma que nele morre é que recebes
A força de seres tudo.
PS: A leitura excessiva destes textos pode ocasionar dependência cultural.

Nenhum comentário:

Bandeira da ASDECON

Bandeira da ASDECON
ASSOCIAÇÃO DOS DESCENDENTES DE CONFEDERADOS AMERICANOS NA AMAZÔNIA

Brasão da família Vaughan

Brasão da família Vaughan

ClickComments

ESCLARECIMENTO / EXPLICATION

Esclarecemos que em função de erros cometidos por ocasião das escriturações nos cartórios de Santarém, durante os registros de nascimentos, diversas famílias de origem confederada (Wallace, Hennington, Rhome, Pitts, Riker, Vaughan, Jennings, etc...) tiveram seus nomes escriturados de forma errada.
A família VAUGHAN, por exemplo, assumiu algumas formas diferentes de escrituração: Vaughon, Waughan e Wanghon.
Recentemente alguns descendentes da família VAUGHAN e de outras famílias, com o auxílio de advogados e seguindo as árvores genealógicas, efetuaram as correções devidas nos cartórios locais e passaram a escrever corretamente os seus nomes.
Devido a pronúncia do nome VAUGHAN ser diferente da forma que é escrita, alguns descendentes passaram a adotar a denominação de “Von”, mas tão somente para facilitar o entendimento da leitura, sem alterar a forma de registro.

We clarified that in terms of errors committed during the notary records in Santarém, in the records of births, several families of confederates (Wallace, Hennington, Rhome, Pitts, Riker, Vaughan, Jennings, etc ...) had their names entered in wrong. The family VAUGHAN, for example, took a few different ways to book: Vaughon, Waughan and Wanghon. Recentemente VAUGHAN some descendants of the family and other families with the help of lawyers and following the tree, made the necessary corrections in notary places and began to write their names correctly. Due to the pronunciation of the name VAUGHAN be different from the way it is written, some descendants moved to adopt the name of "Von", but only to facilitate the understanding of reading, without changing the way of record.