Quem sou eu

Pesquisar este blog

sexta-feira, 15 de julho de 2011

TV Cultura do Pará e RBA visitam academia Dom Quixote

Em função do excelente desempenho dos quatro atletas da academia Dom Quixote e dos judocas de outras academias do Pará que também participaram e contribuiram para bem representar o estado na VII Copa Minas de Judô, as televisões Cultura do Pará e RBA estiveram nesta quinta-feira (14) na academia Dom Quixote para realizar matéria sobre o assunto com o Sensei Anderson, titular da Dom Quixote, e com os judocas presentes.


Por motivo de viagem, os atletas Raquel Castro (ouro no sub-15 até 44kg) e Zé Neto (ouro no sub-15 até 40kg), não estiveram presentes para dar entrevistas. As televisões entrevistaram os judocas da Dom quixote, Fábio Furtado (prata no sub-15 até 54kg) e Victória Letícia (prata no sub-15 até 58kg). Também foi entrevistado o Sensei Gilberto, titular da SEJEL, acompanhado de suas atletas Camila Kethelen (medalha de ouro no pré-juvenil sub-15) e Ana Beatriz (medalha de ouro no infanto-juvenil sub-13), que também participaram e ganharam medalhas de ouro em suas categorias. O presidente a Federação Paraense de Judô, Sr. Luiz Eduardo Pinho, também esteve presente para prestigiar a academia e os atletas envolvidos.
Todos estão de parabéns pela brilhante conquista na VII Copa minas de Judô 2011.

Nenhum comentário:

Bandeira da ASDECON

Bandeira da ASDECON
ASSOCIAÇÃO DOS DESCENDENTES DE CONFEDERADOS AMERICANOS NA AMAZÔNIA

Brasão da família Vaughan

Brasão da família Vaughan

ClickComments

Arquivo do blog

ESCLARECIMENTO / EXPLICATION

Esclarecemos que em função de erros cometidos por ocasião das escriturações nos cartórios de Santarém, durante os registros de nascimentos, diversas famílias de origem confederada (Wallace, Hennington, Rhome, Pitts, Riker, Vaughan, Jennings, etc...) tiveram seus nomes escriturados de forma errada.
A família VAUGHAN, por exemplo, assumiu algumas formas diferentes de escrituração: Vaughon, Waughan e Wanghon.
Recentemente alguns descendentes da família VAUGHAN e de outras famílias, com o auxílio de advogados e seguindo as árvores genealógicas, efetuaram as correções devidas nos cartórios locais e passaram a escrever corretamente os seus nomes.
Devido a pronúncia do nome VAUGHAN ser diferente da forma que é escrita, alguns descendentes passaram a adotar a denominação de “Von”, mas tão somente para facilitar o entendimento da leitura, sem alterar a forma de registro.

We clarified that in terms of errors committed during the notary records in Santarém, in the records of births, several families of confederates (Wallace, Hennington, Rhome, Pitts, Riker, Vaughan, Jennings, etc ...) had their names entered in wrong. The family VAUGHAN, for example, took a few different ways to book: Vaughon, Waughan and Wanghon. Recentemente VAUGHAN some descendants of the family and other families with the help of lawyers and following the tree, made the necessary corrections in notary places and began to write their names correctly. Due to the pronunciation of the name VAUGHAN be different from the way it is written, some descendants moved to adopt the name of "Von", but only to facilitate the understanding of reading, without changing the way of record.